sábado, 29 de outubro de 2016

Há Políticos Indecentes Em Todos Os Partidos, Mas à Esquerda São Bem Piores





Estes amigos do Bloco têm uma moralidade abaixo da do Trump, mesmo que um Salomão, de um só olho, ainda acredite que a geringonça tem moral. Uma moral da esquerda, a bem dizer, a verdadeira moral.

Pois, esta declaração política do BE pretende lançar-nos areia para os olhos e esconder o Tiaguinho. O BE sabe que é condenável falsear licenciaturas, mas sabe que o Félix não falseou nada, apenas tentou, como o outro parolo de Vilar da Maçada que paga para lhe escreverem livros, fazer-se passar por licenciado.
O que é condenável, politicamente insustentável e sujo do ponto de vista ético, é um ministro de Portugal saber do caso e deixar cair um Secretário de Estado para esconder o olheiro amigo. E a rapaziada caviar que o sustenta querer encerrar o caso.






Um Olheiro Do Colónia F.C. No Conselho De Ministros


É o segundo caso esta semana. Antigo secretário de Estado diz que ministro sabia deste caso, que terá estado na origem da sua saída. Ministro nega. A demissão surge após perguntas do Observador


"O que o homem mais deseja é o que lhe faz bem; porém é melhor ser pobre do que mentiroso."  (Provérbios 19:22)



quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Colinérgico


"Também vi eu que todo o trabalho, e toda a destreza em obras, traz ao homem a inveja do seu próximo. Também isto é vaidade e aflição de espírito."  (Eclesiastes 4:4)


Não Porque Não Tenhas Razão, Mas Sim Porque é Uma Ingerência


“Portugal estava a ser muito bem sucedido até entrar um novo governo, depois das eleições”, afirmou Wolfgang Schäuble, de acordo com a agência Bloomberg, citada pelo Observador. A falha do Governo foi desde logo, segundo o ministro alemão, “declarar que não iria respeitar os compromissos assumidos pelo anterior Governo”.

Ora Aqui Está: Nem a Disciplina, Nem Os Professores de Educação Física São De Segunda! Já Quanto Aos Alunos, Há De Tudo...


Agora, o Governo decidiu e bem que a nota de Educação Física volta a contar para a média final do secundário. Bem, porque nem a disciplina, nem os seus professores são de segunda


Na educação, tudo gira em torno dos professores, das disciplinas, dos funcionários em falta  nos agrupamentos, dos exames...
Os alunos são males necessários às escolas. Um aborrecimento.
Por isso, é que as escolas públicas nunca procuram responder às expectativas dos alunos nem dos seus pais. Ao contrários das privadas.



Soberbo. Forte. Motivador.


And I want Britain to be a place where advantage is based on merit not privilege; where it’s your talent and hard work that matter, not where you were born, who your parents are or what your accent sounds like.


quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Comissão Nacional Para a Opacidade Da Administração Pública (CNPO-AP)



A exposição pública dos dados [nome, idade, classificações, reprovações, apoios socioeconiomicos ...] dos menores detidos pelas escolas “é altamente violadora da privacidade e tem um impacto muito significativo na vida actual e futura dos alunos”
as pautas com as classificações, as imagens dos menores e os horários lectivos são dados pessoais dos alunos que não podem ser divulgados nos sites das escolas

Ou Andaste Na Escola Pública Ou Compraste o Exame da 4.ª Classe

"Pelo contrário, existe um Governo de um partido (Partido Socialista) – vértice superior de um triângulo equilátero...."
"De resto, fazem muita falta ao sistema educativo e reveste um caráter de estranheza a inexistência de um fio condutor nas suas ações"
"No silêncio somos todos iguais, é um desabafo social que afeta e tolhe a Educação"

Uma Senhora Com Queda Para a Demagogia




“Reutilizar manuais escolares é um avanço da civilização, é difícil voltar atrás”

P: A esmagadora maioria dos professores é a favor da reutilização dos manuais?R: Sim. 

domingo, 2 de outubro de 2016

Duas Cavadelas...Outras Tantas Minhocas




Claro que o caso da falsificação de documentos nada tem a ver com a extinta BCE. Convém a este porta-voz associá-la à BCE mas, neste caso, como noutros, houve e há falsários a fazer-se passar por professores, médicos e inginheiros.  Não são efeitos de concurso, nem do clima, nem da geringonça... São feitos de bandidos que gozam com o Estado e com a administração pública. Há! E com a proverbial ininputabilidade dos portugueses.


Não usas chapéu, mas podes usar as orelhas e virares-te para a parede. O ministro diz que vai fazer ajustamentos nalguns agrupamentos e pensas logo no teu. Ou nos mega-agrupamentos. Claro que percebes que esta retórica do ministro não passa disso mesmo. E tens de saber também que um ministro que anda sempre a fazer "aturados" estudos e "aturadas" discussões também não se coibirá de fazer "ajustamentos" nos agrupamentos... Depois de "aturados" estudos, claro.


O ministro não precisa de se comprometer com nada porque tem porta-vozes que lhe fazem o jeito.
Batata.